ღ SEGUIDORES ღ

Plantas suculentas são belas em suas variedades de tamanhos, formatos, texturas e cores. O pouco que entendo sobre elas, são de informações que pesquisei. Assim como os nomes e classificações. Já perdi algumas e continuo uma aprendiz, pois parte da experiência, são com as próprias plantas. Tanto as Suculentas como as Folhagens ornamentais tem suas preferências. Cada uma delas ensina: local preferido, ventilação, quantidade de regas, luminosidade adequada, horas expostas ao Sol, temperatura ambiente, solo adequado, boa drenagem e, assim todo cuidado específico com cada uma delas deixa o seu jardim, sua casa um ambiente agradável, uma energia que propõe bela harmonia com a natureza.
ღO AMBIENTE COM VERDE DÁ MAIS VIDA E ENCANTA...POIS VERDE É TUDO DE BOM!

14 de abr de 2009

Echeveria 'Fun Queen' (Crassulaceae)

Apesar das buscas para obter informações, esta também é uma das suculentas que ainda não encontrei dados específicos da espécie.
Echeveria 'Fun Queen' (Crassulaceae)
Echeveria é um grande gênero de plantas com flores no Crassulaceae família, nativo de semi-desérticas da América Central, do México ao noroeste da América do Sul. O gênero é nomeado após o século 18 o artista mexicano botânico Atanasio Echeverría y Godoy .
Descrição - Plantas podem ser perene ou decídua. Flores em hastes curtas (cymes) surgem de rosetas compactas de suculentas folhas carnudas, eles próprios, muitas vezes coloridas. As espécies são polycarpic, o que significa que eles podem vezes flor e do jogo de sementes muitas ao longo de suas vidas. Muitas vezes, inúmeras compensações são produzidos, e são comumente conhecido como 'Galinha e pintainhos", que também pode se referir a outros gêneros, como Sempervivum que são significativamente diferentes de Echeveria.
Cultivo - Muitas espécies de Echeverias, são populares como plantas de jardim ornamental. Eles são resistentes à seca, apesar de fazer melhor com regas regulares profunda e adubação. A maioria vai tolerar sombra e algumas geadas, embora híbridos tendem a ser menos tolerante. Mais perdem suas folhas mais baixas no inverno, como resultado, depois de alguns anos, as plantas perdem a sua aparência atraente, compacto e precisam ser enraizadas ou propagadas. Além disso, se não for removido, as folhas derramadas podem decair, abrigando fungo que pode infectar a planta.


Como cuidar das suas Echeverias
As Echeverias são plantas fáceis de cultivar, desde que tomados alguns cuidados:
Fora de casa - As Echeverias toleram a luz do sol direta, mas ficam mais bonitas se colocadas em áreas sem incidência do sol do meio dia, em um canto onde há sol até às 11h, por exemplo. Podem ser mantidas no vaso ou replantadas para a terra. Se for replantada, é melhor mover junto com a terra do vaso que veio. Coloque um pouco de adubo comum na terra a cada quatro meses. Durante o verão, molhe a sua Echeveria uma a duas vezes por semana com bastante água, sem molhar as folhas. É importante que o solo onde ela está plantada seja muito bem drenado, já que o acúmulo de água pode apodrecer as raízes e propiciar o aparecimento de fungos. No inverno, diminua gradativamente a quantidade de água, molhando até uma vez por mês em períodos muito frios. Teoricamente, as Echeverias aguentam de 40ºC a -5ºC, mas temperaturas extremas podem deformar as folhas e deixá-las feias.
Dentro de casa - As Echeverias podem ser mantidas dentro de casa sem problema algum! Para manter as Echeverias dentro de casa, é importante colocá-las ao lado de uma janela muito bem iluminada, de preferência onde bate o sol da manhã.
No verão molhe a terra uma vez por semana, evitando molhar as folhas. No inverno, uma vez por mês é suficiente. 
Importante: não deixe água acumular no pratinho, isso causa fungos e apodrece as raízes.
Dica: se possível, você pode ter duas echeverias, uma dentro e uma fora de casa, trocando-as de lugar a cada quinze dias.

"Na vasta amplitude da natureza universal, por ciclos intermináveis, manifestam-se infinidades de flores, compostas de harmonia de formas e cores, e morrem pouco depois para serem substituídas por outras. As maravilhas da natureza não nascem para serem elogiadas. Não se preocupam em serem vistas. Sua única razão de existir é ser, simplesmente. Esse testemunho da consciência pura e desinteressada é suficiente para o homem crístico que realiza com amor e harmonia o dever que tem a realizar. E como as flores, não esperam elogios ou louvores, nem teme as censuras." 
(Sri Maha Krishna Swami)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ღ Obrigada pela visita. Seja sempre bem vindo. ღ Solღ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...