ღ SEGUIDORES ღ

Plantas suculentas são belas em suas variedades de tamanhos, formatos, texturas e cores. O pouco que entendo sobre elas, são de informações que pesquisei. Assim como os nomes e classificações. Já perdi algumas e continuo uma aprendiz, pois parte da experiência, são com as próprias plantas. Tanto as Suculentas como as Folhagens ornamentais tem suas preferências. Cada uma delas ensina: local preferido, ventilação, quantidade de regas, luminosidade adequada, horas expostas ao Sol, temperatura ambiente, solo adequado, boa drenagem e, assim todo cuidado específico com cada uma delas deixa o seu jardim, sua casa um ambiente agradável, uma energia que propõe bela harmonia com a natureza.
ღO AMBIENTE COM VERDE DÁ MAIS VIDA E ENCANTA...POIS VERDE É TUDO DE BOM!

1 de abr de 2009

X Graptoveria 'Gilva' (Crassulaceae) ~Hibrido de Graptopetalum X Echeveria~

Primeira postagem. Estreando o meu espaço com primeira das suculentas que comprei.
Quando iniciei o lazer com Plantas Suculentas, não sabia de muitos detalhes, mas ao buscar informações, descobri que esta planta é o resultado de uma hibridação.
SOL's photo
X Graptoveria 'Gilva' (Crassulaceae)
 *híbrido de Graptopetalum X Echeveria  
Os híbridos X Graptoverias são cruzamentos entre Graptopetalum e Echeveria. Devido a essa ascendência mista formam um gênero diverso, mas a maioria é de crescimento baixo, cultivada por suas belas formas e cores.
DICAS DE CULTIVO 
X Graptoverias são plantas muito resistentes requerem solo poroso com drenagem excelente. Água regularmente durante os meses de verão deixando o solo secar entre as regas. Mínimo de água é necessária durante o inverno. Fertiliza-se uma vez durante a estação de crescimento com um fertilizante equilibrado diluído na medida ¼. Melhor no sol ou uma parte do sol.

Os híbridos: Graptoverias, ou como listados nos arquivos de plantas, Graptoverias, estão como um dos mais bonitos e de fácil crescimento entre todas as suculentas Echeverias assim como em cultivo. Estes são, em geral, mais resistentes do que Echeverias e, certamente, de crescimento rápido e é fácil começar a partir de estacas (folha ou caule). Na maioria toleram pleno sol e uma boa dose de sombra com mínima incidência de podridão. Flores deste grupo híbrido parecem principalmente como os das Echeverias, e só tem uma pitada de Graptopetalum neles (um pouco mais em forma de estrela que algumas Echeverias).
Fonte: http://davesgarden.com/guides/articles/view/1441/

HÍBRIDOS 
São o resultado do cruzamento de duas espécies diferentes. Assim, quando entre as duas palavras encontramos um "x" sabemos que estamos  perante um híbrido. Se o x aparecer antes das duas palavras estaremos perante um híbrido que resulta do cruzamento de duas espécies de dois gêneros diferentes. São casos raros porque em 99% dos casos os híbridos resultam do cruzamento de duas espécies do mesmo gênero. Estes cruzamentos podem ocorrer espontaneamente na natureza ou serem produzidos pelo homem. 
Fonte: http://www.mauroparolin.pro.br/nobotanica.pdf

Exemplares da Graptoveria 'Gilva', conforme local de cultivo e exposição do sol. 
As imagens postadas foram extraídas de sites anexo com seus respectivos links
 http://www.succulent.com.ua/galereja/succulents/crassulaceae/graptoveria-graptoverija.html
http://marcuscorradini.blogspot.jp/2008/07/graptoveria-cv-gilva.html
http://www.lapshin.org/succulent/druyan.htm
https://www.etsy.com/listing/39871315/graptoveria-gilva-3-succulent-cuttings
http://www.infojardin.com/foro/showthread.php?t=65174

"A natureza tem para tudo o seu objetivo." (Aristóteles)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ღ Obrigada pela visita. Seja sempre bem vindo. ღ Solღ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...